quarta-feira, 18 de maio de 2011

Buscas por aeronave acidentada em Breu Branco entram no quinto dia

Evandro Corrêa
Sucursal do Sul e Sudeste do Pará

Liamar Resende pilotava uma aeronave do mesmo modelo
que esta: Cessna C 210

Depois de quatro dias de intensas buscas pelas três pessoas que estavam a bordo do avião modelo Cessna, C-210, matrícula PR - HSM, que caiu em Breu Branco na manhã de sábado, 14, as equipes de salvamento concentram todas as atenções, desde a tarde de ontem, nas águas do rio Mojuzinho, uma vez que existem muitas possibilidades da parte central da aeronave, a cabine, ou o "charuto", termo técnico usado na aviação, ter submergido nas águas, com os três ocupantes. De acordo com a coordenação dos trabalhos por terra e água, os corpos de Liamar Resende Soares, Elinaldo Gomes da Silva e Francisco Iratan Araújo Silva podem ter ficado presos aos cintos de segurança e estariam dentro da cabine, no fundo do rio.

Apesar de mais de 72 horas de buscas e da remota possibilidade da existência de sobreviventes, duas equipes de paramédicos permanecem na área, para atender qualquer emergência. Na tarde de ontem, o empresário Arnaldo Veloso, amigo da família Resende, e que participa das buscas, disse que três aparelhos de precisão estão vasculhando as águas do rio Mojuzinho na tentativa de localizar a cabine da aeronave.

"As buscas por terra já foram encerradas. Acreditamos que as vítimas estão dentro da cabine", disse Arnaldo, ressaltando que já foram encontrados vários pedaços da aeronave e também uma bota e pertences pessoais dos ocupantes da aeronave.

Além de uma equipe do Corpo de Bombeiros, vários amigos do pecuarista Davi Resende Soares, pai de Liamar Resende, estão no local auxiliando nas buscas. Um helicóptero, dois aviões pequenos e uma embarcação, além de várias lanchas e voadeiras, permanecem na região tentando localizar a parte central do avião. O major Elson Bravo, que coordena os trabalhos do Corpo de Bombeiros, afirmou que uma área do rio onde estaria localizada a cabine do avião já foi demarcada, sendo que os trabalhos estão sendo intensificados nesse local.

"A correnteza é muito forte e a profundidade é muito grande. Estamos fazendo trabalho de formiguinha. Acredito que em breve vamos encontrar o charuto do avião", disse o oficial.

A aeronave, pilotada pelo empresário Liamar Resende Soares, e que seguia da cidade de Senador José Porfírio rumo ao município de Ulianópolis, caiu por volta de 10h30 de sábado, 14, na localidade de Boa Esperança, na Vila Jararaca, em Breu Branco, a cerca de 20 minutos da pista de Ulianópolis.

No momento da queda, chovia bastante na região. O pecuarista Davi Resende Soares permanece participando das buscas, tentando localizar o corpo de seu filho. Na manhã de hoje, as buscas na região entram no quinto dia.
Fonte: ORM/Amazônia

Nenhum comentário:

Postar um comentário

FALHA (o navegador deveria exibir algum conteudo em Flash, e naum isto).

MANDE FAZER SEUS IMPRESSOS CONOSCO